DiaTipo Salvador
| | | | |


Sexta 21.9

18h30


Credenciamento


Rogério Duarte

19h30


Rogério Duarte

Palestra de abertura




Linotype O Filme

20h30


Linotype o filme

Exibição oficial do documentário



Sábado 22.9

9h30

Recepção

Andréa Branco

10h20

Caligrafia: expertise e herança

Andréa Branco

Estudar caligrafia relacionada ao design gráfico proporciona ao profissional um maior domínio ao manipular letras e escolher tipos para suas criações. Quais são os elementos que estabelecem links entre a tradição caligráfica e sua decorrência na história da tipografia?



Elias Bitencourt

10h50

Para Clarice, de um iPad

Elias Bitencourt

A palestra apresenta o processo de desenvolvimento da Petit Princesse, um projeto tipográfico experimental voltado para o livro aplicativo Raízes, uma releitura interativa do conto Amor de Clarice Lispector. O projeto toma como referência o contraponto entre a graciosidade da caligrafia chanceleresca romana e a austeridade da tipografia neoclássica, utilizando o próprio dispositivo da Apple como suporte para o desenho dos glifos.



Cláudio Gil

11h20

No início da Renascença a “certidão de nascimento” do Brasil é escrita com um alfabeto medieval

Cláudio Gil

Cláudio Gil fará uma breve apresentação, inédita, de um trecho da sua pesquisa sobre um tipo de caligrafia surgida no Séc. XII, a Gótica Cursiva. Apresenta-nos um pequeno ensaio utilizando imagens de trechos do que é considerada a “primeira obra-prima da literatura brasileira” para expor graficamente as características do estilo presente nesse manuscrito tão fascinante.

A caligrafia de Pero Vaz de Caminha, imortalizada na Carta de Descobrimento do Brasil no último ano do Séc. XV, é uma magnífica representante desse modelo de escrita gótica. Europeia pelas mãos do seu autor, baiana por nascimento, anunciando um mundo novo.



12h00

Almoço

Tony de Marco

14h00

Caligrafia urbana

Tony de Marco

Reflexão sobre o impacto da pixação na cidade e no cidadão. A criminalização da escrita em um passeio fotográfico por 12 anos de pesquisa e 7 anos pintando nas ruas.



Matheus Barbosa

14h30

Edward Johnston: o legado de uma só escrita

Matheus Barbosa

Considerado o pai da caligrafia moderna, este médico uruguaio teve sua história traçada quando desenvolveu um método e sistematizou o ensino da caligrafia a partir da releitura da escrita Carolíngia do século X. Deixou como legado sua «foundation», o sistema de ductus, as penas de bambu, e uma teoria de construção com a qual é possível criar qualquer escrita.



Cláudio Gil

15h00

Fonte Rio 2016™

Fabio Haag e Fernando Caro

A equipe brasileira da Dalton Maag apresentará a fonte exclusiva Rio 2016™ e os desafios superados durante seu desenvolvimento, complexo à altura da relevância do projeto. Depois de 8 meses em um rico processo colaborativo, o resultado é um exemplo de como a tipografia proprietária pode maximizar valores condensados em um logotipo.



15h30

Coffee-break

Luca Barcellona

16h00

Luca Barcellona

Palestra de encerramento




17h30

The End

(partiu "Type & Beer" ; )



patrocínio



apoio



realização





tipocracia.com.br/diatipo
facebook | @diatipo